Banner Blog

Revolucione seu conhecimento.

8 passos para comprar uma empresa em operação

Quer empreender e não sabe por onde começar? Comprar uma empresa em operação é uma excelente opção e, muitas vezes, é melhor do que começar algo do zero.

Existem inúmeros negócios a venda no Brasil e, um deles, pode se encaixar no seu perfil. Basta procurar em fontes confiáveis, como as oportunidades da BuyCo. Estes podem ser atrativos devido às vantagens de adquirir uma empresa em operação. São eles: poupar os custos iniciais de abertura, reduzir o tempo e os gastos para encontrar um ponto comercial e para conhecer o perfil de compra do cliente, aproveitar do potencial de geração de lucro com base no histórico da empresa, entre outros.

Além disso, uma empresa já existente, se estiver estável em suas operações, pode, ainda, ser considerada uma forma de menor risco, pois traz junto dela uma carteira de clientes, uma equipe habilitada, um histórico de lucros e um ponto comercial já estabelecido. Isso porque, o período mais critico de uma empresa se dá nos primeiros anos de operação e poucas são aquelas que conseguem sobreviver, conforme dados do Sebrae.

É claro que adquirir uma empresa se trata de uma decisão que possui inúmeras vantagens e cuidados. Existem alguns aspectos importantes sobre os quais o comprador deve ponderar antes de tomar uma decisão mais sóbria acerca da compra da empresa que tem em vista. Por isso, elaboramos um passo a passo do que deve ser feito antes de comprar uma empresa em operação.

Então vamos lá? Boa leitura!

Passo a passo para comprar uma empresa em operação

1 – Analise suas habilidades e suas afinidades com o setor após estudar o mercado

É essencial que você saiba a fundo sobre o segmento de atuação da empresa, e responda a perguntas como:

  • Por que você deseja comprar essa empresa?
  • Você tem as habilidades necessárias para lidar com este tipo de negócio?
  • Como você garantirá seu sucesso?
  • Qual o volume de capital que você está disposto a investir?
  • Você está disposto a trabalhar no horário de pico estabelecido pelo setor do negócio?

Afinal, há demandas e responsabilidades diferentes em cada tipo de negócio. Por isso, você deve escolher, preferencialmente, o nicho em que você já tem conhecimentos, se identifique e com o qual possa lidar muito bem ao comprar a empresa.

Além disso, é importante que você tenha orgulho de falar que esta empresa é sua, se identifique com o propósito e com o produto ou o serviço ofertado. Isso porque não adianta encontrar um negócio promissor se você não se imagina liderando-o.

2 – Solicite a avaliação de empresas e audite os dados antes de comprar uma empresa em operação

ilustracao-de-potencial-comprador-com-lupa-diante-de-dados-de-um-computador-ilustrando-um-dos-passos-para-comprar-uma-empresa-em-operacaoUm laudo de avaliação de empresas é imprescindível para encontrar um valor justo para o negócio de forma que nenhuma das partes seja sacrificada em detrimento da outra. Por isso, atente-se à consistência e à veracidade dos dados.

Porém, o laudo de avaliação não se limita apenas a gerar o valor do negócio. Isso porque, com ele em mãos é possível realizar uma análise completa da empresa e do ambiente na qual ela está inserida, de forma a encontrar inconsistências, entender a posição da empresa frente aos concorrentes, analisar os cenários, identificar as oportunidades e as ameaças, evidenciar os problemas, entre outros.

Assim, é possível obter um panorama geral, conhecer a situação que a empresa se encontra, avaliar seu desempenho e analisar se o valor cobrado é coerente com a realidade antes de decidir comprá-la. Procure empresas com fluxo de caixa positivo, pois essas têm maior garantia de sucesso e de retorno do capital investido.

Com ele em mãos, é possível conhecer os problemas ocultos, as dívidas e os outros passivos para que estes não se tornem surpresas futuras e você não caia em uma armadilha.

A BuyCo. é especialista em avaliação de micro, pequenas e médias empresas. Desenvolvemos um método próprio, comprovado, acessível e 100% digital. Então, se quiser saber mais, basta clicar no botão abaixo:

QUERO SABER QUANTO VALE UMA EMPRESA!

Caso sua empresa tenha um porte maior, não se preocupe. A BuyCo. já criou soluções para te atender. Quer saber mais? Então é só clicar aqui e entrar em contato!

3 – Avalie a situação dos atuais funcionários

Uma das vantagens de comprar uma empresa em operação, é aproveitar a equipe já existente e já treinada. Porém, ainda que os colaboradores da empresa sejam bem treinados, pode ser que exista uma defasagem salarial ou outros problemas, como questões trabalhistas não solucionadas, o que os tornam menos motivados para o trabalho. Por isso, verifique se existem processos trabalhistas em andamento, se o recolhimento fiscal está em ordem e como está a operação dos setores.

Além disso, também levante como a equipe está, se existe a necessidade de mudanças ou de treinos. Verifique o que cada um faz e busque saber como funcionam as operações.

É muito importante, também, preparar os funcionários para a transição. Caso contrário, eles podem ser fonte de problemas futuros em caso de resistências. Explique com detalhes e junto com o antigo dono o que irá ocorrer, de forma a evitar que dados equivocados cheguem aos trabalhadores antes de um comunicado oficial. Além disso, conheça a cultura da empresa antes de provocar mudanças muito radicais.

4 – Converse com o atual dono e descubra o motivo que o leva a querer vender a empresa

Uma empresa à venda não significa que ela não tem futuro. Muitas podem ser as razões que levam um empreendedor a deixar seu negócio. Ele pode estar sem paciência de continuar naquele ramo ou deseja se aposentar, não tem herdeiros para dar continuidade ao negócio ou, simplesmente, não acredita mais naquele ramo, pode estar com problemas financeiros pessoais ou outros problemas que o impedem de continuar operando o negócio, mesmo que este seja lucrativo.

Deve-se levar em conta que o atual dono conhece bastante sobre sua empresa e sobre o ramo de atuação e você tem que reconhecer o que está acontecendo com aquilo que ele levou anos para construir. Isto pode ser crucial para sua decisão de comprar ou não a empresa.

Por isso, busque conhecer a fundo o momento do vendedor. Você pode encontrar oportunidades imperdíveis se considerar a possibilidade de comprar uma empresa em operação, deixando de lado os preconceitos por trás dos motivos da venda.

Além disso, busque obter o máximo de dados possíveis, por exemplo, quantas horas ele trabalha por semana, qual o fluxo de caixa atual, se existe um plano de negócios, de marketing e estratégico, quem são os clientes, entre outros. As respostas para estas perguntas serão valiosas para a decisão e a concretização do negócio. Se possível, também converse com os funcionários, os parceiros e os clientes.

É importante assinar um acordo de confidencialidade para garantir o sigilo mútuo das negociações e da troca de dados.

5 – Verifique os passivos no CNPJ antes de comprar uma empresa em operação 

Quem comprar uma empresa em operação assume toda a responsabilidade fiscal do dono anterior, mesmo que mude o CNPJ do negócio. Por isso, os impostos, as contribuições, as dívidas, as taxas, as questões trabalhistas, tudo é herdado se a empresa continuar no mesmo segmento e no mesmo local.

Por isso, é muito importante checar a papelada de forma minuciosa e solicitar a opinião de contadores e advogados. As vezes o passivo pode ser tão grande que não compense o retorno da empresa. Negocie as dívidas no momento da aquisição, não depois.

Solicite certidões negativas dos últimos anos, analise todos os recolhimentos e vínculos trabalhistas e cheque se a empresa tem alguma dívida com parceiros, incluindo o contrato do aluguel. Não esqueça, ainda, de verificar se o negócio teve problemas com antigos funcionários.

Enfim, levante todo o histórico de passivos bancários, tributários, trabalhistas, ambientais, com fornecedores da atividade empresarial. Verifique concessões, licenças, dívidas, processos em andamento, declarações de impostos, contratos e tudo mais que você conseguir levantar. Fazer um levantamento e comprovar a veracidade de todos os dados é crucial para o sucesso da negociação.

Com certeza algumas surpresas aparecerão ao longo do tempo, mas quanto maior for essa investigação, menores serão os problemas futuros, não é mesmo? Perceba se quem está vendendo a empresa disponibiliza as documentações sem resistência. Se algo não estiver transparente, é mau sinal!

6 – Busque outros dados além da papelada

Existem problemas que não estão no papel. São dados que podem passar em branco no momento da negociação, mas que depois podem atrapalhar o negócio.

Procure saber os reais motivos de a pessoa vender o negócio, mesmo depois dela te informar, e verifique se alguma mudança negativa está por vir no mercado ou mesmo nas redondezas do ponto comercial.

Converse com os comerciantes locais e verifique se algo que possa afetar a rentabilidade do negócio está por vir, como uma mudança no trânsito que dificulte o acesso local, por exemplo. Esse tipo de modificação, embora não pareça, influencia e muito no negócio. Assim certifique-se de todos os detalhes antes de comprar uma empresa em operação.

7 – Leia com atenção o contrato e não assine nada antes de consultar um especialista no setor

ilustracao-de-dois-homens-dando-as-maos-diante-de-um-contrato-para-representar-o-ato-de-comprar-uma-empresa-em-operacaoVocê precisa estar por dentro de todas as regras do jogo. Analise cada entrelinha do contrato de compra e venda que será firmado entre os empresários. Tire dúvidas, entenda o que significa cada cláusula, pois o contrato é o respaldo jurídico para estabelecer os direitos e deveres das partes. Caso este contrato não seja estudado com atenção, depois não adianta dizer que não tinha visto algum item.

Conte com a ajuda de especialistas, como corretores, que já conhecem empresas e o mercado e podem ser um diferencial para avaliar negócios. Eles são experientes e imersos no mercado e podem te auxiliar em todo o processo de forma imparcial. Na BuyCo. contamos com profissionais especialistas em micro e pequenas empresas!

Confira também o artigo “10 dicas práticas para comprar uma empresa em funcionamento”.

8 – Organize um processo de transição

Organizar um processo de transição é uma das nossas principais dicas para comprar uma empresa. Deve-se elaborar um planejamento para a sucessão empresarial, ou seja, o intervalo de tempo em que o dono anterior deixará a empresa, até que você se familiarize com a clientela e com as operações do negócio.

Este período de transição pode ser de algumas semanas ou de vários meses, dependendo do tamanho da empresa. Tente discutir sobre a ocasião com o vendedor, antes de tomar qualquer decisão final sobre o negócio. Verifique se ele estaria disposto a ajudar na transição.

Ninguém conhece melhor o negócio do que o antigo dono, por isso, extraia o maior número de dados possível. Ele já passou pela curva de aprendizagem e consegue te explicar passo a passo, processos importantes, erros e acertos. Conte com sua ajuda, isso contribuirá bastante para que a transição ocorra da melhor maneira possível, evitando quaisquer resistências.

Além disso, a BuyCo. é especialista no processo de intermediação de compra e venda de micro e pequenas empresas. Estamos à disposição para te ajudar. Clique aqui para entrar em contato.

Com todas essas dicas você terá mais fundamento para decidir comprar uma empresa em operação, certo? Se ainda tiver mais alguma dúvida, deixe nos comentários para que a gente possa te ajudar!

anunciar-minha-empresa

Como anunciar minha empresa para a venda?

Múltiplo de EBITDA: o que é e como usar no Valuation

Fluxo de Caixa Descontado (FCD): o que é, para que serve e como calcular