Banner Blog

Revolucione seu conhecimento.

Avaliação de Pequenas Empresas: conheça os métodos utilizados pela BuyCo.

avaliacao-de-pequenas-empresas

Determinar o valor de uma empresa não é tarefa simples. Na avaliação de pequenas empresas estão envolvidos diversos aspectos. Dentre eles, os elementos patrimoniais, os dados subjetivos, os tipos de empresas, as tendências de mercado, as condições econômicas, entre outros.

Além disso, para avaliar uma empresa são exigidos esforços multidisciplinares. Isso porque, são necessárias informações contábeis, fiscais, econômicas, jurídicas e de marketing, por exemplo.

Com isso, poucas são as pessoas que sabem responder quanto vale a sua empresa. O que se torna ainda mais crítico em pequenas empresas. Grande parte dos pequenos empresários acreditam que não precisam saber o valor do seu negócio. Nada disso! Não caia no equívoco de achar que essa avaliação é importante apenas para grandes empresas.

A avaliação de empresas é importante independente do porte da organização e deve ser feita de tempos em tempos. Como vimos no artigo “Avaliação de empresas: conheça o valor do seu negócio”, além de ser fundamental para a compra e venda de um negócio, saber o valor da empresa é uma importantíssima ferramenta de gestão. Com ela em mãos é possível obter um panorama de como a empresa está e embasar o processo de tomada de decisão.

Preparamos esse artigo para apresentar os principais métodos de avaliação de empresas que a BuyCo. utiliza. Eles deram origem ao método próprio que desenvolvemos para você, pequeno empreendedor, saber o valor do seu negócio. Então, vamos lá?

Boa leitura!

Método BuyCo. de avaliação de pequenas empresas

A BuyCo., desenvolveu um método próprio, acessível, comprovado e 100% digital para avaliar micro e pequenas empresas. Foram 10 anos de testes e, enfim, validamos o método que tem se mostrado a solução perfeita para pequenos empreendedores.

Na construção do nosso método, decidimos ponderar cinco métodos conforme os que melhor representam este gigante mercado. Além disso, levamos em consideração as dificuldades, as informalidades e a necessidade de praticidade para uma avaliação adequada ao porte. Alguns outros fatores são: o tipo de empresa, o tempo de atuação, a localização, as instalações, a situação econômica e o motivo da venda.

Cabe ressaltar que a avaliação de empresas não é uma ciência exata. O resultado depende da qualidade das premissas consideradas para encontrar o valor mais próximo da realidade, mitigando os riscos e os erros.

Por isso, nossa opinião sobre o valor justo do negócio é baseada em métodos e no nosso conhecimento de intermediação de negócios. Além disso, levamos em consideração hipóteses sobre o perfil de potenciais compradores e fatores relevantes e subjetivos.

A BuyCo. apresenta diferenciais importantes no momento de realizar a avaliação. Além de ser a única startup no Brasil a utilizar cinco indicadores para obter uma opinião imparcial, usa pesos sobre o valor de cada método para minimizar possíveis discrepâncias e parcialidades ao fim da avaliação.

Nossos métodos são baseadas no princípio da substituição e da comparação setorial, com pesos adequados para cada método de avaliação de empresa. O algoritmo BuyCo. entende a distribuição de aplicação em cada um deles, até alcançar 100% da apuração. Faz sentido, não é?

Abaixo, explicaremos e detalharemos cada um dos métodos adotados. Então vamos lá?

1º Método de Base Zero

Este método de avaliação de empresas leva em conta o valor que o empresário investiu inicialmente no negócio. Nele estão incluídas as reformas, as instalações, a compra de equipamentos, os móveis, o capital de giro, o estoque e todos os elementos para início da operação. Ou seja, o valor necessário caso um empreendedor decidisse construir do zero um negócio semelhante.

Vamos supor que estamos avaliando uma Cafeteria. Seu valor inicial de investimento foi de R$ 200.000,00. Observamos que a empresa continua aparentemente com as instalações, os móveis e os equipamentos novos, o que aumenta seu peso na avaliação da empresa. Por isso, vamos considerar que 30% deste valor vai compor o valor final.

2º Valor do Ponto Comercial

Usaremos esse método para precificar os ativos contidos no ponto comercial. Para testar a capacidade de geração de receitas ou de lucros, este não é o mais adequado. O valor do ponto comercial é a relação do valor justo, isto é, valor atual de mercado, da soma de todos os ativos imobilizados da empresa. A soma dos equipamentos, dos móveis e dos utensílios é um exemplo.

No mesmo exemplo da Cafeteria, após analisar o relatório enviado pelo sócio da empresa e as respostas às perguntas que levantamos, chegamos a um valor próximo de R$ 68.000. É uma informação importante e não podemos a desprezar, temos que entender se esta é a principal característica do negócio. Para este exemplo, entendemos que a empresa consegue gerar bons lucros. Por isso, vamos considerar apenas 10%.

3º Expectativa de Retornoavaliacao-de-pequenos-empresas-atraves-de-dashboard-de-dados

Já o método Expectativa de Retorno está atrelado ao tempo esperado de retorno do investimento para o determinado setor do mercado.

Essa expectativa é obtida por meio de bancos de dados, mas pode ser ajustado pelo avaliador em caso de desempenhos diferentes do que é tido como referência no setor.

Continuando com a linha de raciocínio do nosso exemplo, as pessoas que investem em Cafeterias estão propensas a esperar entre 24 a 36 meses para recuperar o investimento. Para ilustrar nosso exemplo, vamos considerar 36 meses de retorno. Além disso, vamos supor que esta Cafeteria apresenta R$ 3.000,00 de lucro líquido por mês.

Neste método, o valor da empresa tende a valer próximo R$ 108.000,00 ao final dos 36 meses. Assim, como a empresa é rentável, tal aspecto também possui um peso maior. Por isso, para este método, vamos considerar 30% do valor apurado para desenho do preço justo da empresa.

4º Fluxo de Caixa

O Método de Fluxo de Caixa, é fundamental para termos uma visão de futuro, por mais conservador que este método seja, pois aqui, diferentemente do tradicional Fluxo de Caixa Descontado (veja nosso artigo somente sobre este método para empresas de médio e grande porte), no Fluxo de Caixa não usamos a perpetuidade, pois acreditamos que esse fator pode poluir o valor de pequenos negócios para uma dimensão impagável para o mercado de pequenas empresas. Seu objetivo é balizar o atual momento da empresa e trazer, de uma maneira sútil, um cenário futuro e conservador. Nesse caso, a precificação é feita com base em projeções conservadoras de crescimento da empresa.

Nosso algoritmo possui um banco de dados com vários cenários de expectativa de mercado e de possibilidades de crescimento. Todos os dias fazemos ajustes manuais com a percepção dos consultores de negócios BuyCo.

Em nossa última análise, identificamos que Cafeterias têm perspectivas de crescimento na faixa de 5% ao ano para os próximos 5 anos em capitais como Belo Horizonte e São Paulo.

A fórmula para cálculo será:

VPL-formula-para-avaliacao-de-pequenas-empresas

VPL = Valor Presente Líquido (o que queremos descobrir)
FC = fluxo de caixa (no exemplo, R$3.000 por mês)
t = momento em que o fluxo de caixa ocorreu (no exemplo, temos que fazer para 5 anos, isto é, 60 meses)
i = taxa de desconto (no exemplo, 5% ao ano, isto é, aproximadamente, 0,4% ao mês)
n = período de tempo (no exemplo, 5 anos, isto é, 60 meses)

Assim, aplicando este método, o valor da empresa seria por volta de R$ 160.000,00. Por isso, como este método é bem referenciado e mercadologicamente muito utilizado, acreditamos que o peso adequado é de 15% da composição do valor da empresa.

5º Múltiplo Setorial

O Múltiplo Setorial é um método muito usado. Seu objetivo é balizar o atual momento do mercado do setor em que está contida a empresa avaliada. Nesse caso, a precificação é feita com base na comparação com outras firmas similares que estão ou estavam recentemente em negociação.

Nosso algoritmo possui um banco de dados com várias transações realizadas. Todos os dias fazemos ajustes manuais com a percepção dos consultores BuyCo.

Em nossa última base de dados, identificamos que Cafeterias têm grande chance de serem negociadas por 3x seu faturamento bruto do mês, ou seja, as vendas de todos produtos da cafeteria no mês.

Neste exemplo, a Cafeteria vende em média de R$ 49.000,00 por mês. Assim, aplicando este método o valor da empresa seria por volta de R$ 147.000,00. Por isso, como este método é bem referenciado mercadologicamente muito utilizado, acreditamos que o peso adequado é de 15% da composição do valor da empresa.

Resultado Final da Avaliação de Pequenas Empresas

Após chegar ao resultado separado de cada método e ponderá-los, encontra-se o 100%. Este será corresponde ao valor da empresa.

No caso da Cafeteria, com os cálculos encontramos:

R$ 200.000,00 x 30% + R$ 68.000,00 x 10% + R$ 108.000,00 x 30% + R$ 160.000 X 15% +R$ 147.000,00 x 15% = R$ 145.250,00.

Logo, a empresa vale R$ 145.250,00 de acordo com o método BuyCo. de avaliação de empresas. Faz sentido, não é?

IMPORTANTE: todos os valores utilizados no texto são meramente ilustrativos. Por isso, os valores e percentuais utilizados não correspondem a valores reais para a avaliação de uma empresa.

avaliacao-de-pequenas-empresas-feito-por-profissionais-especialistasConclusão sobre a Avaliação de Pequenas Empresas

E aí, entendeu tudo sobre o método BuyCo.? Tenho certeza que sim!

Porém, mesmo que agora você tenha visto como funcionam os métodos de avaliação de empresas, contratar um especialista para avaliar o seu negócio é a forma mais adequada para obter um cálculo que gere o valor mais próximo da realidade. Eles conhecem os mercados, têm experiência, conhecimentos técnicos e uma visão imparcial em relação ao negócio, por isso, encontrarão o valor mais adequado para o seu negócio.

Agora que você já sabe como funciona o método BuyCo. e entende a necessidade de contratar uma empresa especialista para definir os parâmetros, está esperando o que para avaliar seu negócio com o método mais eficiente e acessível do mercado para as pequenas empresas? Por isso, basta clicar no botão abaixo:

QUERO SABER QUANTO VALE MINHA EMPRESA!

Caso sua empresa tenha um porte maior, não se preocupe. A BuyCo. já criou soluções para te atender. Quer saber mais? Então é só clicar aqui e entrar em contato!

anunciar-minha-empresa

Como anunciar minha empresa para a venda?

Múltiplo de EBITDA: o que é e como usar no Valuation

Fluxo de Caixa Descontado (FCD): o que é, para que serve e como calcular