Banner Blog

Revolucione seu conhecimento.

O Setor de Energia Elétrica no Brasil: como é e tendências

setor-de-energia

O Brasil está em sétimo lugar posição em capacidade instalada de geração de energia elétrica no mundo. E é também o terceiro país em capacidade instalada para a hidroeletricidade mundial. Podemos afirmar que o acesso à eletricidade para todos no país é uma realidade! Afinal, 99,8% da população tem acesso a eletricidade. Em 2020, o consumo médio de energia das residências brasileiras foi de 152,2 KWh/mês. No entanto, esse número variou muito entre as regiões do país. O setor de energia é fundamental para a evolução econômica do Brasil e também, para a qualidade de vida das pessoas. 

Portanto, no artigo de hoje vamos falar do Setor de Energia no Brasil, como opera esse setor, os tipos de energia e a realidade com dados desse setor tão amplo! Além disso, algumas tendências que estão em alta!

Assim, se você já pensou ou pensa em investir no Setor de Energia, ou se você já opera nesse ramo, esse artigo é para você!

Então, vamos lá? Boa leitura!

O Setor de Energia 

Você já parou para pensar na origem da energia elétrica?

A energia elétrica é gerada em grandes usinas e é transmitida para as pessoas através de linhas de transmissão e distribuição. Ou seja, ela provém de uma matriz, é transmitida por uma rede e chega as distribuidoras. Por fim, as distribuidoras destinam a energia para as indústrias, comércios e residências, conforme a demanda.

A indústria de energia no Brasil é composta por uma grande rede de empresas independentes. Sejam elas geradoras de energia, distribuidoras, comercializadoras ou operadoras de linhas de transmissão. 

A indústria atende dois mercados, são eles mercado cativo e mercado livre. O mercado cativo são pessoas e negócios atendidos por empresas distribuidoras de energia. Essas empresas costumam atender certa área geográfica. Já o mercado livre são para empresas que compram energia de forma direta das comercializadoras (empresas de geração).

É importante ressaltar que não é possível estocar energia, então todo esse sistema deve ser organizado para que tenha equilíbrio entre produção e demanda.

Além disso tudo, existe no Brasil agentes que acompanham e controlam. Além de câmaras e operações para garantir a entrega de energia, o acesso de energia para todas as pessoas. E também, tarifas justas e rendimento para as concessionárias do serviço público.

O Ministério de Minas e Energia (MME), por exemplo, é responsável pela formulação das políticas públicas e exerce o poder concedente.

De acordo com o MME (órgão da administração pública  federal), o sistema elétrico do Brasil é o maior da América Latina. Em 2017, esse setor ocupou a 8ª posição no ranking de maiores mercados de geração de energia do mundo, ficou atrás apenas de países como a China, Estados Unidos, Índia, Rússia, Japão, Canadá e Alemanha.

Setor de Energia: tipos de energia no Brasil

Agora que entendemos um pouco como opera o Setor de Energia, confira agora, de forma mais específica sobre cada tipo de energia do setor:

setor-de-energiaEnergia hidrelétrica

Conhecida também como energia hidráulica, essa fonte renovável é considerada a principal no país! Essa fonte é feita por usinas hidrelétricas. As usinas usam a força força da movimentação da água e pela pressão da água em desníveis, para a produção de energia.

No Brasil, há uma predominância da fonte hidráulica. Com um aumento em torno de 2% a 5% nas últimas duas décadas. No entanto, essa dependência está sendo reduzida de forma gradual nos últimos anos.

Em 2000, a hidroeletricidade representava 83% da capacidade instalada no Brasil e 87% da eletricidade gerada. Já em 2019, a fonte hídrica representava cerca de 63% da potência instalada e da produção de eletricidade do país.

Apesar da redução, o número continuou grande, em comparação com as outras fontes renováveis, como por exemplo, a geração eólica (9%), biomassa (9%) e solar (3% 5).

As usinas hidrelétricas não são bem vistas aqui no país. Já que elas causam um impacto negativo no meio ambiente. Como por exemplo, o desmatamento para sua construção, os rios em volta a essas usinas são alterados, entre outros. Como consequência desses impactos, ocorrem alagamentos e no pior dos casos, rompimento de barragens.

Por outro lado, existem hidrelétricas de pequeno porte. Essas causam menos impacto ambiental e tem menores custos. Segundo especialistas, o mercado de Pequenas Centrais Hidrelétricas e Centrais Geradoras Hidrelétrica tem um grande potencial a ser explorado. Além de ser um setor muito lucrativo. Então, existem grandes oportunidades para empreendedores que se interessam pelo ramo!

Energia Térmica

A energia térmica não é renovável. Essas usinas operam com o aquecimento de água, por meio de combustíveis fosseis (carvão, derivados de petróleo, gás natural). O vapor, causado pelo aquecimento de água, consegue mover as tubulações até as turbinas. As turbinas giram e geram energia elétrica, já que as turbinas são conectadas a geradores, que criam um campo eletromagnético.

As usinas termoelétricas também são grandes causadoras do impacto ambiental. Até mesmo mais poluentes do que as usinas hidrelétricas, já que a queima de combustíveis fósseis libera muita emissão de gases do efeito estufa. Além do custo de produção ser bem mais alto.

Em agosto de 2021, o Brasil precisou muito das usinas termelétricas. O país passou por uma escassez hídrica e isso gerou uma crise na geração de energia hidrelétrica. Dessa forma, com a crise, a conta de luz dos brasileiros aumentou muito no ano passado.

Energia Eólicasetor-de-energia

Segundo o Balanço Energético Nacional, em 2019, mais de 80% da oferta interna de eletricidade do país vem de fontes renováveis. E uma outra fonte 100% renovável e limpa no país é a energia eólica. 

O aumento da representatividade da fonte eólica no país vem crescendo! Aqui no Brasil, investe-se muito na geração de energia eólica. Assim como nas outras fontes de energia limpa, que também estão crescendo muito!

A capacidade instalada de energia do Brasil tem aumentado ao longo dos anos, para as fontes hidráulica, térmica, eólica, solar e nuclear. 

A energia eólica é feita a partir de parques eólicos, que são feitos em lugares que tem muito vento. Esse vento é capaz de girar as turbinas, que possuem geradores de campos eletromagnéticos. Após isso, transforma-se em energia elétrica.

O problema desse energia é que não é sempre que temos vento para girar os ‘’cata-ventos’’ dos parques, então essa energia tornou-se uma fonte de energia complementar.

setor-de-energiaEnergia Solar

A energia solar é gerada por meio de painéis. Os painéis aproveitam a luz do sol e transformam a irradiação solar em energia elétrica. A energia solar pode ser gerada também, por meio de sistema heliotérmico. Assim, a energia do sol é transformada em energia térmica. Após isso, transforma-se em energia elétrica. Ela é 100% sustentável e limpa.

O investimento inicial em energia solar é alto. No entanto, é um meio que está recebendo muitos investimentos e avanços tecnológicos, para baratear esse valor.

Além disso, a energia solar é a quinta maior fonte de energia no Brasil.

Segundo a ABSOLAR (Associação Brasileira de Energia Solar), mostrou que os empregos estão aquecidos no setor de energia solar.

O Brasil criou 153 mil empregos no setor de energia solar, em 2021. No geral, a energia solar gera mais de 150 mil empregos no Brasil, em apenas um ano. Isso tudo porque houve um aumento na demanda de energia solar. Assim, as contratações aumentaram em mais de 77%.

Energia Nuclear

As usinas nucleares usam substâncias radioativos (em principal, o urânio), para gerar energia. O núcleo do átomo de urânio é ‘’quebrado’’. Assim, libera-se uma enorme quantia de energia térmica (calor). Esse calor é usado para aquecer a água e o vapor do aquecimento movimenta as turbinas, que são geradoras de energia elétrica.

O Brasil está em sexto lugar entre os países com a maior quantia de reserva de urânio. No entanto, a energia nuclear não é tão usada no país, já que tem muitos riscos e impactos ambientais. Além disso, o processo de ‘’quebra’’ do uranio, libera resíduos radioativos. Os resíduos são muito perigosos para o meio ambiente e para as pessoas. No Brasil, existem apenas duas usinas nucleares.

Tendências do Setor de Energia

O Brasil está seguindo muitas tendências mundiais no que diz respeito ao setor de energia. Além de valorizar suas próprias potencialidades energéticas e vantagens comparativas.

Podemos dizer que o setor de energia está passando por mudanças. Assim, a forma como as redes de empresas estão se relacionando entre si, está mudando. Existem 3 tendências que estão em foco no setor. São elas: a Distribuição, a Descarbonização e a Digitalização.

DistribuiçãoFazendas-solares

A distribuição diminuiu a concentração da produção de energia apenas das usinas. Com a popularização dos painéis solares, muitas pessoas agora tomam conta da sua própria energia, sem depender tanto das concessionárias de energia. Essa tendência trouxe novos modelos de negócio, como exemplo as fazendas solares.

Nesse novo modelo o acesso à energia renovável a consumidores que não querem produzir a própria energia. Assim, esse novo modelo tem desafios pela frente, já que depende das condições ambientais, além de precisar de controle sobre essa infraestrutura de geração de energia e gestão do sistema.

Redução de emissões de carbono na atmosfera

Essa tendência é referente aos impactos ambientais, aquecimento global e a demanda de redução de emissões de carbono. Esses fatores impulsionaram a entrada de veículos elétricos nos mercados automobilísticos. Já que esses veículos não emitem tanto gás carbono, igual os veículos normais.

Esses veículos precisam de energia elétrica. Com isso, é preciso mais dinamismo do sistema de energia. Já que esses carros se locomovem por energia e precisam ser recarregados em diversos pontos. Portanto, é preciso expandir a infraestrutura dessa recarga.

Digitalização

E por fim, mas não menos importante, a digitalização é uma tendência de todos os mercados e ela também chegou no setor de energia! A conectividade e a digitalização do sistema de energia são tecnologias que irão proporcionar um sistema mais confiável, sustentável e eficiente. Dessa forma, os dados serão coletados para depois serem processados em infraestruturas.

Com isso, é possível reduzir custos de operação, solucionar problemas de forma mais rápida. Já que o acesso aos dados de consumo poderá ser feito de forma mais fácil e remota. Além disso, a tecnologia irá permitir a previsão de falhas em equipamentos.

Então, com essas tendências o setor irá se tornar mais complexo e dinâmico, com um menor controle também. Afinal de contas, haverá uma grande demanda vindo de veículos elétricos e também pela geração de energia individual (por meio dos painéis, que captam luz solar).

Esse aumento da demanda e menor controle não significa um cenário ruim para o setor, mas sim um cenário que precisará de adaptações. E não podemos esquecer que, a tecnologia será uma grande aliada para o setor de energia brasileiro, e mundial, nesse momento de transformações!

Conclusão sobre o setor de energia

Em conclusão, o setor de energia elétrica no Brasil é o maior da América Latina e o país está em segundo lugar na lista dos maiores mercados de eletricidade do mundo! O país tem um enorme potencial energético, em especial, nas fontes renováveis. Com mais de 80% da eletricidade do país vindo de fontes renováveis.

O consumo de energia per capita e por PIB vem aumentado ao longo dos anos, com maiores taxas de crescimento no setor industrial e de transportes. O aumento do consumo de energia é por causa do crescimento da população, aumento da urbanização, aumento de pessoas vivendo no Brasil, entre outros motivos.

No momento, o Setor de Energia Brasileiro enfrenta alguns desafios. No entanto, podemos dizer que a demanda no setor de energia nunca irá acabar, apenas irá aumentar com o passar dos anos e com o avançar de novas tecnologias.

E por fim, conte com a BuyCo.!

Antes de tudo, é preciso que você tenha ferramentas de controle e gestão do seu negócio. Faça um plano de negócio, estude sobre o setor de energia para ter uma visão geral. No final de tudo, pense em ideias e formas de aplicar no seu contexto. Todas esses aprendizados irão impulsionar e melhorar ainda mais o seu negócio. Ou, quem sabe, no seu futuro negócio!

E agora que você já estudou sobre o setor de energia. É a hora de começar! Se você tem vontade de empreender no setor. Mas, não sabe como iniciar, a BuyCo. pode te ajudar!

A BuyCo. é especialista em compra, venda e avaliação de empresas. Então, se você pretende comprar um negócio no Setor de Energia, o nosso Catálogo de anúncios é perfeito para você!

O Catálogo de anúncios têm diversas oportunidades de negócios para você, empreendedor! Ele contém empresas cadastradas que já fizeram o Valuation e passaram por uma curadoria feita pelos nossos consultores de negócio. Essas empresas contam com uma assessoria de ponta a ponta, ao longo de todo o processo.

O nosso MarketPlace contém empresas cadastradas, de forma direta, pelos donos dos negócios. Essas empresas não fizeram o Valuation e não passaram por nenhuma curadoria. Então, não têm garantia ou suporte por parte da BuyCo. Os anúncios dessas empresas ficam disponíveis apenas por 30 dias.

Por fim, existem vários negócios à venda no setor de energia! Conheça já nossas oportunidades, basta clicar no botão abaixo:

ACESSAR CATÁLOGO DE ANÚNCIOS

E, além disso…

Para te ajudar nessa hora de escolher o negócio, por que não fazer um Teste de Perfil Empreendedor?

Você pode escolher a oportunidade que mais lhe agrada e mais se adequa ao seu perfil. Inclusive, você pode definir o seu perfil empreendedor, com o nosso teste de perfil.

O teste foi feito pela BuyCo. com o intuito de orientar você a entender suas características empreendedoras. Dessa forma, você será capaz de entender melhor quais são os seus comportamentos, competências e pontos fracos.

Dessa forma, o teste pode te ajudar a escolher o seu negócios dos sonhos, de forma mais precisa. Afinal, ter em mãos um relatório com dados sobre você, pode ajudar na escolha de um negócio mais parecido com seu perfil! Para fazer nosso Teste de Perfil Empreendedor, basta clicar no botão abaixo:

ACESSAR TESTE DE PERFIL BUYCO

calculadora-de-valuation-vale-a-pena

Por que a Calculadora de Valuation Vale a Pena?

Contabilidade

Contabilidade: Dicas Para o Seu Negócio!

Fusão-e-Aquisição-Motivadores-e-Dicas

Fusão e Aquisição: Motivadores e Dicas para um M&A de Sucesso